BP ajuda o Governo na produção de máscaras sociais reutilizáveis para a prevenção ao COVID-19

Classifique este item
(0 votos)

As empresas petrolíferas que operam em São Tomé e Príncipe responderam ao apelo lançado pelo Governo são-tomense para reforçar o Plano de Contingência Nacional contra a pandemia do novo coronavírus (COVID-19) e estão a disponibilizar fundos dos projectos sociais para reforçar a compra de material e equipamentos médicos para ajudar o país na luta contra a pandemia do COVID-19.

 

Na sequência das medidas de contingência adotadas pelo Governo para o novo coronavírus (COVID-19), a empresa petrolífera BP, a operar no país desde 2018 como operadora nos Blocos 10 e 13 da Zona Económica Exclusiva, está a financiar a produção de 61.000 máscaras sociais reutilizáveis para oferecer à população nas ilhas de São Tomé e Príncipe.

 

As máscaras, produzidas por mais de 50 produtores locais, estão certificadas pelo Ministério da Saúde e vão ser distribuídas pela Secretaria de Estado do Comércio e Indústria.

 

A entrega das primeiras máscaras teve lugar no dia 7 de Maio, às 9h00, na presença de membros do Governo, numa cerimónia no Arquivo Histórico da cidade capital.

 

De acordo com as informações do Ministério da Saúde, São Tomé e Príncipe já regista quatro óbitos por COVID-19, pelo que as contribuições das empresas petrolíferas constituem ajuda preciosa para mitigar a propagação da pandemia no país.

20200507 095919

 

Ler 50 vezes

Deixe um comentário

Certifique-se que coloca as informações (*) requerido onde indicado. Código HTML não é permitido.